Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Linhas de pesquisa
Início do conteúdo da página

Áreas de Concentração e Linhas de Pesquisa

Publicado: Quarta, 05 de Fevereiro de 2020, 14h02 | Última atualização em Segunda, 10 de Fevereiro de 2020, 14h11 | Acessos: 241
imagem sem descrição.

Teoria e Análise Linguística

LINHA 1: Sociolinguística / Dialectologia: Essa linha trabalha com a análise e descrição do português do Brasil, com estudo das variações dos aspectos fonético-fonológicos, morfológicos, sintático-semânticos, discursivos e lexicais, com abordagens teóricas da Sociolinguística, Dialectologia e da Etnolinguística, enfocando o português brasileiro com ênfase no português falado no Amazonas, mas não exclusivamente.

LINHA 2: Linguística Aplicada: Esta linha foca no desenvolvimento e Ensino de L2/LE, no desenvolvimento de L2-LE em contextos naturais e induzidos nas perspectivas cognitiva, linguística, sociolinguística, funcionalista/ pragmática e sociocultural. Engloba também a análise de abordagens, recursos e estratégias de ensino de L2-LE em vários aspectos. Professor: formação, crenças e condições de vida e de trabalho. Aluno: expectativas, crenças, estilos de aprendizagem e realidade. Currículo: experiências em andamento e inovações. Avaliação: escolar e institucional. Sala de Aula: relações de ensino/aprendizagem e estratégias inovadoras. Materiais instrucionais: produção e análise. Políticas linguísticas e de ensino de L2-LE. Multiletramentos.  

LINHA 3: Análise de Discurso: esta linha aborda os estudos dos discursos. Enfoca a relação linguagem e sociedade, sendo a língua compreendida como prática discursiva de sujeitos sócio-históricos. Trabalha a relação língua-ideologia nos mais diversos aspectos em que essa relação se apresenta.

LINHA 4: Línguas e Culturas Amazônicas: esta linha dedica-se à descrição e análise de línguas indígenas; ao contato linguístico em contextos amazônicos; à linguística histórica, variação e mudança das línguas amazônicas; e às culturas, contextos sociais, políticos e educacionais das línguas amazônicas.

LINHA 5: Estudos Clássicos: Esta linha trabalha com análise e descrição da língua latina, nos campos morfológico, morfossintático, morfossemântico, estrutural e de ordenamento; e com estudos da literatura latina, com análise de obras de autores clássicos.

Estudos Literários

LINHA 1: Literatura, Cultura e Transdisciplinaridade: Os conceitos chave que intitulam esta linha, cultura e transdisciplinaridade, lançam bases para organizar debates teórico-metodológicos que derivam da natureza múltipla dos artefatos culturais com os quais ela lida. Esta linha se caracteriza pela heterogeneidade de formação e atuação de pesquisadores, com perspectivas sociológica, antropológica, filosófica, discursiva, histórica, geográfica e crítica, articulando os objetos de estudo a partir das relações entre literatura, cultura e sociedade.

LINHA 2: Literatura e Outras Linguagens: A linha de pesquisa Literatura e outras linguagens associa perspectivas diversas, como Literatura, Artes, Linguística e Tecnologia, sem que se estabeleça nenhuma hierarquia a priori entre elas, à exceção da Literatura, que é o ponto sobre o qual se assentam as relações entre todas. Esses diálogos estão marcados, segundo a concepção que os anima, por uma reflexão voltada para o texto literário, preocupação já assinalada no nome dado à linha. A interface resulta da combinação de perspectivas e meios heterogêneos e como os objetos assim descritos e lidos ainda podem ser chamados de literários.

 

Fim do conteúdo da página